Confira 7 Dicas Para Quem Está Iniciando no Trader Esportivo

iniciando no trader esportivo
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Conteúdo do texto

Para quem está iniciando no trader esportivo é importante conhecer mais sobre o mercado. Também conhecido como “aposta esportiva” é uma modalidade que consiste em investir em esportes. Diferentemente dos patrocinadores de um time ou de um atleta, o investidor esportivo investe nos jogos que ainda não começaram ou que estão em andamento no momento do investimento.

Esse tipo de trade é muito comum em diversos lugares do mundo e está se popularizando no Brasil nos últimos meses. Diversas plataformas foram criadas, de modo que o estudo acerca da modalidade é cada vez mais profundo.

A grande questão, é que assim como nos investimentos tradicionais da bolsa de valores, os investimentos esportivos precisam ser feitos com embasamento técnico, o que é feito por meio da análise de estatísticas que circundam os jogos e da banca do investidor.

Para os iniciantes, é ainda mais importante o conhecimento básico a respeito dos aspectos mencionados e de muitas outras questões que envolvem o trading esportivo. Por este motivo, preparamos este artigo. Aqui vamos passar as melhores dicas para que você inicie nesse ramo com consistência. Continue lendo para saber mais!

Dicas para quem está iniciando no trader esportivo

Separamos algumas dicas muito interessantes para que você possa desbravar o mundo do trading esportivo com a certeza de que está consciente dos seus movimentos e aportes.

Leia atentamente cada uma das 8 dicas passadas e tenha sempre clareza quando for colocar o seu dinheiro em uma plataforma de trading esportivo.

1. Estudo geral e plataforma

O estudo geral diz respeito a todas as questões que você deve saber antes de começar com o trading esportivo. Primeiro é preciso ter alguns conhecimentos básicos a respeito de odds, estatísticas, lay e back, modalidades, tipos de trading, cash out, entre outros conceitos muito importantes.

Isso serve para que pelo menos você saiba o que está fazendo no começo. Os conceitos precisam ser aprendidos antes de qualquer tipo de estudo mais aprofundado na modalidade que você escolher. Para obter esse conhecimento você pode recorrer a livros físicos, e-books, vídeos, materiais, entre outros.

2. Escolha da modalidade

Passado o estágio inicial de estudo geral e escolha da plataforma, é preciso que você escolha a modalidade e o esporte que mais se adequa ao seu perfil de trader. Isso é feito através da análise de cada um dos esportes disponíveis, sendo que os mais comuns são futebol, basquete, vôlei e tênis.

Atualmente, há uma nova modalidade de esporte que está fazendo muito sucesso no trading esportivo: são os e-sports, também chamados de esportes eletrônicos. Os principais jogos disponíveis nessa modalidade são o League of Legends e o Counter-Strike: Global Offensive.

Escolhido o esporte ou o e-sport, você deve passar a escolha de um ou mais tipos específicos de trade que você deseja se especializar. É muito complicado ficar “atirando para todos os lados” nesse tipo de trade. O ideal é que você saiba o que é bom e faça essa escolha.

Como exemplo da escolha do tipo de trade, podemos citar o mercado de trade de escanteio, em que o trader investe apenas em jogos de futebol na modalidade de escanteios. Se você gosta de futebol, talvez esse seja um excelente mercado para você começar, já que ele é muito baseado em estatísticas e partidas passadas.

3. Estudo específico da modalidade

Como dito anteriormente, saiba que você deve sempre se atentar ao estudo da modalidade específica de trade que você optar por praticar. Digamos que você opte pelo mercado de tênis e decida se especializar em handicap. A partir dessa escolha, você precisa saber tudo sobre handicap para só então fazer seus trades.

Um bom profissional que esta iniciando no trader esportivo conhece a modalidade e o seu tipo de trade como a palma da sua mão. Com a experiência o aprendizado ocorre aos poucos, mas você pode estudar com livros, cursos, treinamentos, entre outros. Esse tipo de estudo é mais direcionado, e o melhor é que você pode aproveitar as experiências de outros traders para obter esse conhecimento mais rápido.

4. Plataforma

É essencial que você escolha uma boa plataforma para começar os seus investimentos em trading esportivos. O ideal é que você opte por uma plataforma reconhecida no mercado e que já esteja consolidada. Muitas vezes, novas plataformas podem prometer bônus de depósitos incríveis, mas isso não adianta de nada se você não puder sacar o dinheiro, não é mesmo?

Portanto, faça uma boa pesquisa a respeito das plataformas de trading esportivo e faça uma escolha embasada em informações concretas, experiência da plataforma e nível de confiança que você consegue ter com ela. Isso fará com que você tenha bem menos chance de ter problemas futuros.

Além de escolher uma plataforma de alto renome no mercado, você também precisa escolher a plataforma que mais se adequa ao seu estilo de trade. Se você gosta de trades mais específicos, como citamos no exemplo dos escanteios em jogos de futebol, precisa verificar se a plataforma que você mais gostou, disponibiliza o mercado de escanteios.

Trocar de modalidade apenas porque a plataforma não conta com ela é uma péssima escolha.

5. Gestão de banca

Tudo que falamos aqui diz respeito ao momento que você está iniciando no trader esportivo. Agora, falaremos a respeito do momento dos trades de verdade, o momento chave em que você deve tomar as decisões baseando-se em tudo que você já estudou, tanto de modo geral quanto específico.

A gestão de banca diz respeito ao tipo de investidor que você deseja ser ou que você se descobriu como seu estilo. Você pode ter um estilo mais agressivo, moderado ou conservador. O estilo agressivo é aquele que tem muita confiança e investe alto em odds um pouco maiores do que o normal. A recomendação aqui é que você não tenha essa agressividade antes de aprender um pouco sobre o trade esportivo.

Você também pode ser um investidor moderado, que é aquele que sabe o que está fazendo e investe valores coerentes de acordo com a banca e com o nível de certeza que tem no investimento. Por fim, o investidor conservador é aquele que até pode ter certeza do que está fazendo, mas ele nunca vai além do esperado, ele investe o mínimo possível para correr bem poucos riscos.

É válido lembrar que o investidor agressivo tem grandes chances de aumentar sua banca de maneira muito rápida, assim como o investidor conservador tem muitas chances de conservar a sua banca elevada e não perder tudo do dia para a noite. Porém, o mais indicado é que você seja o investidor moderado, aquele que sabe o que está fazendo, mas que não investe nem muito pouco nem muito alto.

Existem muitas estratégias de gestão de banca na atualidade. Algumas recomendam que você invista apenas 1% da sua banca em cada operação, outras recomendam que você invista 5% em cada operação, e outras ainda são mais flexíveis e deixam que você invista de acordo com a sua certeza no trade específico. Você deve escolher a estratégia que mais combina com você e com o seu perfil de investidor.

6. Emocional

De tudo que falamos até esse momento, a principal dica para quem está a ponto de se tornar um trader esportivo, é que você trabalhe o seu emocional. Se você tiver algum tipo de desequilíbrio durante os seus trades, saiba que é possível que você faça operações totalmente desvinculadas do que você aprendeu durante os seus estudos.

Algumas vezes as pessoas ficam tão desesperadas com a perda de algum trade, que acabam investindo tudo que tem em sua banca para tentar recuperar o que perderam em apenas um trade. Saiba que as perdas acontecem invariavelmente, não há como acertar todas as previsões.

As estatísticas nunca são 100% a longo prazo, de modo que você precisa saber que as vezes, coisas imprevisíveis acontecem no trade esportivo. Nesse momento, o seu psicológico precisa estar muito bem equilibrado para que você possa perder o trade e se recuperar aos poucos nos próximos trades, com consistência. Isso fará com que você tenha bons lucros a médio e longo prazo.

7. Planilhas de controle

Muitos traders optam por fazer planilhas de controle detalhadas de acordo com todos os aportes, trades, lucros e prejuízos. Caso você opte por fazer isso, poderá verificar se há algum registro de histórico na plataforma que você escolher. Caso isso esteja disponível para você, é possível pegar essas informações e começar a sua planilha.

Caso isso não seja possível, você mesmo pode começar uma planilha do zero. Coloque todos os investimentos que você fizer e deixe colunas separadas para todas as suas entradas. Os lucros e prejuízos podem ser sinalizados com preenchimento verde e vermelho, para que você tenha um fator visual a seu favor quando for identificar a sua evolução.

Essa planilha pode ser feita a partir do Microsoft Excel, pelo Google Planilhas ou por outro editor de planilhas da sua confiança. Existem diversos tutoriais na internet que te ajudam a fazer esse tipo de planilha, de modo que você não deve encontrar nenhum tipo de problema ao adotar essa solução no seu dia a dia.

Considerações finais

Agora que você sabe as melhores dicas para quem está iniciando no trader esportivo, já pode começar a realizar as suas operações com muito mais tranquilidade e solidez. Lembre-se sempre que a consistência é o que leva você a ter bons lucros e médio e longo prazo. Não se preocupe se você começar no zero a zero quando estiver iniciando nesse meio.

Isso é completamente normal e pode te levar a ter mais experiência. São com as perdas que você aprende mais sobre o mercado de trading esportivo. Dessa forma, encare as perdas como forma de aprendizado e não se desmotive. Além disso, mantenha sua mentalidade e o seu psicológico forte para conseguir ser mais lucrativo. Boa sorte!

Compartilhe este conteúdo

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Simule seu investimento aqui

Oferecemos uma alternativa lucrativa para aplicar seu dinheiro de forma segura e profissional, com retorno consideravelmente superior ao de qualquer aplicação básica oferecida hoje no mercado.

Que tal acompanhar a performance dos nossos investimentos?

Preencha o formulário abaixo com seus dados e o valor do investimento (em US$) a ser simulado. Na sequência enviaremos no seu e-mail um link de acesso ao nosso sistema, onde você poderá conferir o quanto este dinheiro teria rendido nos últimos 12 meses.