Aprenda Como Começar a Investir no Exterior e Aumente Sua Rentabilidade

Como investir no exterior

Conteúdo do texto

Você sabe como investir no exterior? Afinal, um bom investidor sabe que possuir uma carteira diversificada é a chave para o sucesso no mercado financeiro.

Uma das melhores opções para obter ainda mais lucro é iniciar no mercado internacional. O investimento no exterior, antes um mistério para muitos, agora se tornou uma opção atraente e viável, desde que tomadas algumas precauções.

Preparamos este artigo para ajudar você a iniciar nesse mercado tão convidativo, esclarecendo as maiores questões que envolvem essa modalidade, além de trazer dicas valiosíssimas para você obter todos os benefícios que ele oferece.

Dessa maneira estará mais preparado para esse mercado, afinal o conhecimento é a base de qualquer decisão inteligente.

Como começar a investir no exterior?

O primeiro passo para ingressar no mercado financeiro internacional é procurar uma corretora de valores americana qualificada e abrir uma conta.

Isso porque, as Bolsas de Valores Americanas possuem em sua base empresas de todas as partes do mundo para negociação, possibilitando que você compre ações de qualquer lugar sem precisar abrir contas em países diferentes.

Caso você queira investir no mercado exterior, sem a necessidade de abrir uma conta, existem algumas possibilidades que trataremos a seguir:

Fundos de Investimento Internacionais

Essa é a forma mais comum de realizar investimento no exterior sem a necessidade de abrir uma conta internacional e realizar envio de dinheiro para outro país. Os fundos de Investimento nacionais podem destinar até 20% do seu patrimônio para o mercado internacional, então é possível que algum investimento que você possua já atue no exterior.

No caso dos investidores que possuam pelo menos R$ 1 milhão em investimentos, pode ser destinado até 40% dos recursos para investimentos no exterior. Existe também a possibilidade destinar até 100% dos recursos no mercado internacional, desde que o nome do fundo possua a inscrição “investimento no exterior”.

Essa modalidade é simples e pouco burocrática e pouco se diferencia dos investimentos nacionais.

BDR – Brazilian Depositary Receipts

Nessa modalidade, o investidor investe em títulos representativos das ações, não diretamente nelas. Os Brazilian Depositary Receipts – BDRs são certificados que representam ações reais de empresas internacionais, mas a sua negociação é feita no Brasil. Eles são classificados em duas categorias:

BDRs patrocinados: nesse caso existe uma participação ativa da empresa emissora, sendo ela a responsável pela contratação da instituição depositária.

BDRs não patrocinados: a iniciativa é da instituição depositária para que seus clientes possuam mais opções de investimento, sendo de sua total responsabilidade informar balanços e dados importantes.

As cotas BDRs, apesar de serem títulos que representem ações internacionais, são negociadas em real. Algumas das empresas que possuem BDR no Brasil:

• Apple (AAPL34);
• Google (GOGL34);
• Microsoft (MSFT34);
• Facebook (FBOK34);
• Amazon (AMZO34);
• Berkshire Hathaway (BERK34).

Por mais que pareçam ser uma opção muito interessante de investimento, eles apenas estão disponíveis para investidores qualificados, ou seja, aqueles que possuem um patrimônio igual ou superior a R$ 1 milhão, o que, em razão dessa limitação de público investidor, torna seus ativos muito difíceis de liquidar.

ETF – Exchange Traded Funds

Esses são os chamados “fundos de índices”, que tem por objetivo replicar a carteira de um índice de forma fiel. Cada cota dos ETFs é referente a uma carteira composta por diversos papéis. A forma mais comum negociada atualmente são os ETFs da composição do Ibovespa. Eles seguem a distribuição de carteira do indique que eles replicam. Eles são administrados de forma passiva por uma gestora.

COE – Certificados de Operações Estruturadas

Essa modalidade é caracterizada por ser uma mescla dos investimentos de renda fixa e renda varável, um conjunto de operações financeiras. Esse investimento em geral envolve papeis que pagam juros e derivativos, sendo um tipo de investimento muito flexível.

Como abrir a conta em uma corretora americana?

Se nenhum dos investimentos anterior se enquadrou nas suas necessidades, é o momento de se pensar em buscar uma Corretora para começar a investir no exterior e dar início à abertura da conta. O idioma já não é um problema, pois muitas delas disponibilizam em suas plataformas, o idioma português.

Na maior parte dos casos, a abertura da conta se dá apenas com dois documentos simples: o RG do titular e um comprovante de residência válido. O processo todo é feito on-line, pelo site da corretora escolhida. Vamos conhecer algumas delas:

  • Avenue: fornece ativos de diversos locais do mundo, não só dos Estados Unidos. Ela tem disponível os ADRs – American Depositary Receipts, que correspondem a ações de empresas de várias partes do mundo. Ela possui plataforma em português para que o investidor abra a conta e gerencie seus investimentos. Através da sua plataforma é possível enviar dinheiro para o Brasil.
  • DriveWealth: Assim como a Avenue, também oferece a abertura da conta e plataforma em português, mas não possui muitas opções de investimento em empresas menores. È uma corretora que está focada em empresas maiores.
  • Interactive Brokers: A plataforma dessa corretora não disponibiliza uma versão em português, o que pode ser um problema para quem não conhece o idioma. Mas possui uma excelente plataforma, muito completa e intuitiva. O leque de produtos oferecido por ela é bem grande: todas as ações que são negociadas pela NASDAQ e a NYSE estarão disponíveis, além de outras modalidades de investimento.
  • Charles Schwab: É mais recomendadas aos investidores mais experientes, que possuem mais capital inicial para investir. É necessário pelo menos U$ 25 mil para começar. A plataforma é toda em inglês, mas sua maior vantagem é o fato de não possuir taxa de manutenção e corretagem.

Como realizar o envio de dinheiro?

Essa talvez, seja a maior causa da insegurança por parte dos investidores, afinal enviar dinheiro, em dólar, para outro país parece ser bem complicado. Mas a realidade é muito mais simples do que parece, veja as principais formas a seguir:

Por meio da própria corretora: quando a corretora disponibiliza o serviço pela plataforma, esse envio ocorre de maneira bem simples: é efetuado um TED para uma conta no Brasil, em seguida a corretora realiza a conversão em dólar, e credita na conta internacional.

Pelas terceirizadas: não havendo a opção por meio da própria corretora, algumas empresas terceirizadas realizam essa transferência. Elas recebem o valor transferido em reais, convertem e realizam o depósito.

Resumidamente, o envio de dinheiro segue algumas etapas simples:

1 – criação da conta;
2 – determinação de quanto será enviado;
3 – selecionar a conta de destino (da corretora ou terceirizada);
4 – efetuar o TED.

Feito isso, dentro de alguns dias o dinheiro estará disponível na sua conta internacional.

Quais as vantagens de se investir no exterior?

Diversificação

Realizar investimentos no exterior possibilita a diversificação da sua carteira, deixando o investidor menos dependente do mercado nacional e ampliando as possibilidades de ganhos.

Riscos Menores

Com o investimento no mercado internacional, é possível reduzir o risco sistemático dos investimentos, como crises politicas e financeiras, quedas no PIB, recessão, etc.

Exposição à economia mundial

Investir apenas no mercado nacional, limita muito as suas possibilidades de ganho, uma vez que muitas empresas não são impactadas pelo crescimento do mercado internacional. Com uma carteira diversificada internacionalmente, você, como investidor, estará protegido em caso de crises econômicas nacionais, além de aumentar consideravelmente as oportunidades de lucro.

Maior potencial de retorno financeiro

Uma vez que você terá a sua disposição milhares de ações a nível mundial, as possibilidades de bons negócios são igualmente diversas, não estando limitadas às empresas nacionais. Podendo encontrar boas ações a preços atrativos, é possível que o retorno financeiro seja ainda maior.

Variedade

Estarão ao seu alcance, ativos de empresas de diversos setores e países, podendo diversificar a sua carteira ao apostar em mercados diferentes. Além disso, estarão a sua disposição, empresas de gigantes da tecnologia e entretenimento, por exemplo, que ainda não possuem atuação significativa no Brasil.

Quais os principais investimentos disponíveis no mercado internacional?

  • Stocks: São as ações negociadas nas bolsas NASDAQ e NYSE, como Apple, Microsoft, Facebook, Amazon, etc.
  • REITs: os Real Estate Investment Trust, são investimentos semelhantes ao FII no Brasil (Fundo de Investimento Imobiliário), ou seja, são empresas que atuam no setor imobiliário. Com os REITs é possível investir em imóveis para renda ou venda, da mesma maneira que ocorre aqui. O diferencial é que no mercado internacional é possível fazer alavancagem para a compra de novos empreendimentos. A maior vantagem dessa modalidade é que 90% de todo o lucro liquido deve ser distribuído aos acionistas, por esse motivo é um dos investimentos mais atraentes no exterior.
  • ETFs: como já mencionamos, os ETFs são uma excelente opção para quem busca o investimento internacional. É possível investir sem a necessidade de uma conta internacional, mas se for feito direto com uma corretora, você terá acesso a vários ETFs que não estão disponíveis no mercado nacional.

Conclusão

Investimentos sempre apresentam riscos, é claro, mas o investimento em mercado internacional apresenta diversos benefícios para você, investidor. Principalmente no que tange a valorização do dólar sob a moeda nacional e a diversificação da sua carteira, os investimentos nas empresas internacionais pode trazer retornos financeiros mais significativos do que os obtidos na bolsa de valores brasileira.

Você gostou deste artigo? Espero que tenha esclarecido algumas das principais questões que envolvem o mercado internacional e como investir no exterior. Caso tenha alguma dúvida, entre em contato conosco!

Compartilhe este conteúdo

Simule seu investimento aqui

Oferecemos uma alternativa lucrativa para aplicar seu dinheiro de forma segura e profissional, com retorno consideravelmente superior ao de qualquer aplicação básica oferecida hoje no mercado.

Que tal acompanhar a performance dos nossos investimentos?

Preencha o formulário abaixo com seus dados e o valor do investimento (em US$) a ser simulado. Na sequência enviaremos no seu e-mail um link de acesso ao nosso sistema, onde você poderá conferir o quanto este dinheiro teria rendido nos últimos 12 meses.